A Revolução – O Nascimento da Câmera Fotográfica Digital

Tempo de leitura: 3 minutos

Desde sua criação, a fotografia sempre passou por constantes evoluções, mas nenhuma foi tão impactante quanto a criação da câmera fotográfica digital. Inicia-se aqui a era da fotografia digital.

 A Primeira Câmera Digital

Quando falamos em câmera fotográfica digital, a primeira imagem que nosso cérebro nos apresenta são as câmeras digitais da Sony.

Realmente, ela foi a principal responsável pela massificação das câmeras digitais, mas, diferentemente do que pensamos, a câmera fotográfica digital não foi uma criação sua.

Um dos funcionários da Kodak trabalhava em um projeto, que tratava-se de uma câmera fotográfica digital.

O protótipo pesava 3,6 quilos, fotos de 0,1 megapixels, e o cartão SD era uma fita K7, que comportava no máximo 30 imagens. O tempo de gravação da imagem na fita, e também de leitura da imagem era de 23 segundos cada.

Mas, com a sua posição de liderança no mercado de venda de filmes fotográficos, a Kodak acabou não se interessando pelo projeto da câmera fotográfica digital.

A Kodak não imaginava que esse seria o início do seu declínio.

 Mas Quem é o Inventor da Câmera Digital?

 Steven Sasson, engenheiro elétrico americano, era funcionário da Kodak quando criou a primeira câmera digital que se tem notícia, em 1975.

Sua invenção, chamada por ele mesmo de ‘Fotografia sem Filme”, era uma junção de dispositivos digitais e analógicos, e uma lente de câmera Super 8.

Com todos esses elementos juntos, e feitas as fotografias (ainda em preto e branco), era preciso juntar mais alguns equipamentos para a reprodução dessas imagens.

A fita K7 era colocada em um reprodutor portátil, que era ligado a um computador, para que esse transmitisse as imagens em uma TV.

Steven apresentou  sua invenção aos executivos da Kodak em 1976, que, devido ao seu foco no mercado de filmes fotográficos, não mostraram muito interesse pelo projeto.

Neste mesmo ano a invenção de Steven foi patenteada.

Somente muitos anos depois, a Kodak assumiu que poderia ter lançado a primeira câmera digital do mundo.

A Sony e a Popularização das Câmeras Digitais

Apesar de seu surgimento ainda na década de 70, foi em 1981 que ocorreu o lançamento de uma câmera digital mais parecida com o que conhecemos nos dias de hoje.

O modelo Mavica, da Sony, chegou ao mercado custando por volta de US$ 12 mil, trazendo imagens de 0,3 megapixels, e armazenamento em disquete, de até cinquenta imagens.

Porém, o lançamento que realmente popularizou não só o mercado de câmeras digitais, mas a fotografia no geral, foi a chegada do modelo A10 Sound Mavica.

Custando em média US$ 350, e oferecendo, além da captura de imagens em movimento ou estáticas, a captura de aúdio. Algo inédito até então.

DCS-200

O modelo lançado pela Kodak em 1992 contava com disco rígido para armazenamento das fotografias, e resolução de incríveis 1,54 megapixels, a DCS-200 era muito mais potente que seus concorrentes da época.

Nos anos seguintes, em busca de uma parcela do mercado que crescia cada vez mais, as empresas direcionaram grande parte de seus esforços no desenvolvimento de câmeras digitais cada vez melhores em termos de resolução e armazenamento.

A revolução estava feita, e quem não se adequou acabou não sobrevivendo.

Gostou desse post? Curta nossa página e compartilha com os amigos! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *